SABIÁ PESCA O TITULO EM NITERÓI

SABIÁ PESCA O TÍTULOApontada como uma das favoritas do Grupo Principal e campeã de 2013, a Sabiá levou o título de melhor escola de samba de Niterói do carnaval 2014 pelo segundo ano consecutivo e deixou os organizadores e toda a comunidade emocionada.
Foram apenas dois pontos perdidos em toda a apuração, nos dez quesitos julgados. Em clima de muita festa, a comunidade vibrou com o resultado. O pódio foi completado pela Folia do Viradouro, que ficou em segundo, e Império de Arariboia, em terceiro. A Mocidade de Icaraí ficou em décimo lugar e caiu. Estiveram presentes na quadra do Clube Canto do Rio o presidente da União das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos de Niterói (Uesbcn), Ito Machado além de representantes das escolas de samba niteroiense. 
A apuração sacudiu as arquibancadas e a Folia da Viradouro levou a bandeira da escola para a arquibancada, que ficou lotada com a comunidade que liberou muita energia positiva a cada ponto cantado pelo corpo de jurados. Mas a energia não foi suficiente para garantir a vitória e a Folia ficou em segundo lugar com 196,5. Com enredo ‘Niterói está para peixe: lança a rede no mar e vem pescar com Sabiá’, a escola, fundada em 1938 e uma das mais antigas na cidade, levou cerca de 600 componentes para a rua no dia do desfile. O diretor da escola estava irradiante e comemorou o campeonato. “Estou trabalhando na Sabiá por seis anos e esse bicampeonato foi muito justo. A escola estava linda e rica em detalhes e a comunidade Sabiá é responsável por essa vitória. Estamos comemorando juntos essa conquista e somos uma família que unida levou o título para a quadra”, ressaltou em meio as lágrimas Jonathan dos Anjos.
Além da apuração do Grupo Principal, a tarde também foi marcada pelo resultado final da Escola de Samba do Grupo de Acesso e do Grupo Especial de Enredo. No grupo de Acesso, a Alegria da Zona Norte levou para casa o título do carnaval 2014 e subiu para o Grupo Principal em clima de muita alegria e com uma torcida muito animada. Com o enredo ‘De boca em boca, de pai pra filho, a alegria na cultura popular’, o presidente da escola, Ubiratan Porcina, era pura alegria. Mas a emoção maior ficou com o presidente de honra da agremiação, Chaynne Azevedo, que não conteve as lágrimas após anúncio da vitória. “Depois de muito trabalho de toda a comunidade do Bernadino eu dedico essa vitória ao meu falecido pai, que era um sambista e serviu de inspiração para esse samba enredo que nos levou a vitória”, completou. 
A Experimenta da Ilha da Conceição ficou em segundo lugar com 194,5 pontos, seguida da Souza Soares, com 194 pontos. Essa última estava apontada como uma das favoritas nas arquibancadas por tamanha animação da comunidade e garantiu uma boa colocação. A Unidos do Sacramento perdeu um ponto na apresentação das alegorias por fazer merchandising, o que é proibido, e a Bafo do Tigre também perdeu um ponto por não apresentar a ala das baianas. 
No Grupo Especial de Enredo, o Galo de Ouro levou o primeiro lugar e abrirá o carnaval em 2015. O Galo levou para a Rua da Conceição o enredo ‘Os tambores anunciam, o povo da floresta está em festa, a tribo do galo de ouro vai passar’. O segundo e terceiro lugares ficou para a Combinados do Amor e Grilo da Fonte com notas 184,5 e 184 respectivamente. Já a escola Tá rindo porque? teve boas notas durante toda a apuração, mas no quesito enredo levou nota 6,5, o que foi determinante para descer a colocação da escola, que terminou em sexto.

Como foi
As 10 escolas de samba do Grupo Principal se apresentaram na terça-feira de carnaval, na Rua da Conceição, reduto do samba no Centro de Niterói. De acordo com os organizadores do evento cerca de 30 mil pessoas estiveram na arena de desfiles ocupando arquibancadas e disputando cada espacinho principalmente nas grades do recuo da bateria. A escola de samba mirim de Niterói deu início aos desfiles e foi a escola convidada para abrir a arena de desfiles. Magnólia Brasil, Império de Araribóia, Mocidade de Icaraí, Independente do Boassu, Folia do Viradouro, Sabiá, Unidos da Região Oceânica, Tá mole mas é meu, Grupo dos Quinze e Cacique da São José foram as 10 escolas que se apresentaram pelo nono ano consecutivo.

Por Raquel Morais   Atribunarj