Obras em ritmo acelerado na Contorno !


Remoção da pedra, está 99% concluída. Expectativa é que trabalhos terminem em fevereiro de 2015. Preocupação agora é a liberação da área dos estaleiros

Iniciadas em fevereiro de 2013, as obras de ampliação da Avenida do Contorno, no Barreto, Zona Norte de Niterói, esbarram em vários obstáculos. A fase de remoção das rochas, prevista para terminar em abril, foi adiada para o fim de maio, e de acordo com a Autopista Fluminense, só será concluída este mês. Problemas na liberação da área dos estaleiros também ameaçam atrasar a obra.
Segundo a concessionária, o desmonte das rochas está 99% concluído. O atraso foi causado por um problema no maquinário, que já está resolvido. Mesmo com o atraso na remoção das rochas, a Autopista informou, através de sua assessoria, que o problema não vai influenciar o andamento das obras. 
No entanto, a preocupação no momento é a liberação da área dos estaleiros, que está tramitando na Justiça, e atrasa o andamento das obras. A expectativa é que os trabalhos sejam concluídos em fevereiro de 2015.
Andamento – No viaduto sobre o pátio Leopoldina Railway, equipes trabalham na conclusão do novo elevado com 400 metros de extensão sobre a antiga Estação Ferroviária do Barreto. Atualmente, máquinas e operários trabalham na montagem e na concretagem das demais estruturas necessárias, como o tabuleiro (laje) e as muretas de concreto. 
Já no viaduto em frente ao estaleiro UTC, os serviços de fundação do viaduto e a concretagem dos pilares, que darão apoio ao novo elevado sobre o pátio do estaleiro UTC Engenharia, na altura do km 320,9, estão em andamento. As obras não interferem no tráfego da rodovia.
No trecho final da Avenida do Contorno, próximo à uma loja de material de construção, a concessionária pavimentou 300 metros da via e, atualmente, trabalha na terraplanagem e na instalação dos dispositivos de drenagem no trecho próximo ao prédio do Instituto Médico Legal.
Uma nova frente de obra no trecho próximo ao estaleiro Renave, às margens da pista sentido Niterói também foi iniciada. Outra etapa importante em andamento é a limpeza do terreno às margens do Rio Maruí, na pista sentido Niterói, anexo ao estaleiro Renave, onde será construída uma nova ponte no local. 

Por: Patricia Vivas      O Fluminense