Conclusão do novo prédio da homicídios no Barreto,só em 2016

Foto: Arquivo Barreto On line 
Parece estar longe o dia em que Niterói contará com uma sede definitiva da Divisão de Homicídios. No terreno separado para a obra na Avenida Benjamin Constant, ao lado do Colégio Pedro II, no Barreto, há apenas um espaço vazio e nenhum sinal de obra.
O panorama é o mesmo há quase um ano.
Atualmente a Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e Maricá (DHNISG) funciona na Rua Desidério de Oliveira, no Centro.
O Programa Delegacia Legal, responsável pelas obras de delegacias, informou que já cumpriu algumas etapas da obra da DH de Niterói. A primeira foi a demolição da antiga construção e depois foram executados os serviços de terraplanagem e sondagem para projeto executivo. A segunda etapa foi a licença de obras, já emitida pela Prefeitura de Niterói. Neste momento está sendo concluído o projeto de fundações, que será entregue nesta semana para o início das fundações. Devido a complexidade e o tamanho da obra, o prazo contratual para conclusão é de 12 meses.
“É importante termos uma delegacia preparada com ambientes próprios, sala de interrogatório, sala de reconhecimento, escuta e outras. Um ambiente novo produz ânimo e motivação para o desempenho das funções, assim a nova delegacia certamente colaborará para uma melhor eficácia do trabalho”, comentou o delegado Fábio Barucke.
O Governo do Estado, através do Grupo Executivo do Programa Delegacia Legal, (órgão vinculado a Secretaria de Obras), está investigando cerca de R$ 30 milhões na implantação de três prédios para abrigar as Delegacias de Homicídios da Capital, Baixada Fluminense e Niterói. A implantação destas unidades é mais uma etapa do projeto de modernização da Polícia Civil, já que todos os prédios funcionarão com investigação e perícia criminal.
“Cada nova unidade terá 2.400 m² distribuídos em seis andares. As Delegacias de Homicídios, que estarão inseridas no Programa Delegacia Legal, terão 100 postos de trabalho cada. As obras da DH da Baixada Fluminense, que terão um investimento de R$ 9.811.854,32, e DH Niterói, com R$ 10.528.658,82, já foram iniciadas. O prazo estimado para conclusão destas obras é de 12 meses. Já a DH da Capital está em fase de aprovação de projeto junto a Prefeitura do Rio de Janeiro”, informou César Campos, coordenador do Programa Delegacia Legal.


Por  Aline Balbino        AtribunaRj